quinta-feira, 19 de março de 2009

Comentários sobre o Episódio 6x17

O TEXTO A SEGUIR CONTÉM SPOILERS DO EPISÓDIO 6X17
Olá Tree Hill People,

. Tree Hill people porque eu ainda não sei como se chamam os habitantes de Tree Hill... talvez Tree Hillianos, ou apenas Hillianos, ou Tree Hillssense... Ok, minha cota de besteiras está encerrada.
.
Bom, espero que vocês já tenham visto ao episódio desta semana de One Tree Hill, se ainda não viu, mantenha-se distante desde post. =)
.
Olha esperamos bastante por ele, e eu esperava algo melhor. Gostei da idéia que Schwahn teve de colocar apenas cenas com os casais, porém, sempre vem o porém, não foi dos melhores episódios da série. Foi bem triste. Mas vou começar com as partes que eu gostei. Foram bem poucas... Devo começar com o aniversário de sete anos de Naley. Foi um momento que eu comecei a comparar o Naley antigo ao Naley atual e vi como eles amadureceram, sem grandes exageros. Que boba, eu, né? Mais é claro que eles amadureceram... Mas eu passei as cenas inteiras comparando cada toque, cada beijo, cada quote... Quase levei um susto com a idéia de Haley comprar uma casa fora de Tree Hill. Achei estranho o plano de Nathan para Haley levar o Jamie com ela em sua turnê, eu realmente não sei por que, mas para uma criança ser criada num ônibus, longe de casa, vai ser bem complicado... queremos ver Haley voltar a cantar... confesso que achei estranhas as idéias deles. Não precisam, lógico, concordar comigo.
. O que eu gostei mais foi de Deb e Dan, não que eu queira que eles voltem a ficar juntos, longe de mim, mas esse foi o único episódio que o Dan conseguiu explicar o que realmente sentiu e o que todos nós, ou pelos menos alguns de nós já sabiamos a respeito da morte do Keith, porém ainda não tinha sido revelado tão sinceramente. Eu realmente não me lembro dele falando com tanta sinceridade antes. Ele pelo menos não teve oportunidade para isso. E eu gostei bastante de tudo ali, não teve nada forçado... eu talvez ache que o Schwahn estava forçando demais antes para tornar o Dan não tão monstruoso por ter matado seu irmão, mas em minha opinião, ele acertou desta vez.
. O que eu não gostei foi da longa despedida de Mouth e Millie. Eu pensei que isso já havia terminado. Pensei que ela já havia se despedido. Se eu não me engano, essa é a terceira vez que ela vai "embora finalmente". Eu queria eles ficassem juntos, mas se não vão TERMINAR, estão só enchendo lingüiça.
. Também não gostei da brigazinha clichê de casais entre Julian e Brooke. Esse lance de medo de dizer que te amo está bem ultrapassada. Embora seja realmente difícil dizer a alguém seus verdadeiros sentimentos, acho que estavam apenas procurando um motivo para fazer Brulian se separar por uns tempos e depois voltar numa linda cena em que finalmente a Brooke vai entender os seus sentimentos pelo rapaz e que Deus ajude para que a cena não seja uma cena de filme do John Hughes, onde a mocinha sai correndo atrás do mocinho que está de malas prontas para partir para sempre. Ou pelo menos parecido com o episódio final de Sakura Card Captors (Ok, perdoem-me por essa última). Sei que eu estou meio dura com relação ao criativo desse episódio, mas não consigo me calar. Estou chata hoje, sempre sou chata, mas hoje é o dia da Paula Chata.
. Bom, eu sou uma Leyton Roxa (Paula, a gente já sabe ¬¬)... adorei as cenas de apoio de Lucas para com a Peyton com esse "Novo Problema" e também por toda a liberação de sentimento intenso que ele sente por ela. A minha frase preferida foi "Fiquei a pensar na vida sem você e eu não posso" e tambem "Você fala que eu estou sempre te salvando e eu não consigo te salvar disso". Foram momentos tocantes, mas eu não consigo acreditar que a Peyton chegou a pensar que o Lucas poderia criar esse filho sozinho e que ela morreria. Mas uma coisa eu gostei, eles enfrentaram tantos problemas, como tiro na perna, ataque do coração, drogas e acidente de carro... e eles conseguiram fugir de todas essas coisas vivos e finalmente estão juntos, ela então disse "não será um médico que nos dará possibilidades". Mas tenho certeza, não vi nenhum spoiler, de que isso tudo vai acabar bem e que eles serão felizes juntos com o bebê deles. E de acordo com a enquete que eu fiz há um mês e meio, será uma pequena Anna. =)

. Perdoem se fui fortemente contra o criativo desse episódio, ele não foi dos melhores. Mas foi um bom episódio. Concordem, discordem... comentem, não vai engordar por isso nem é pago, é gratuito. =)

7 comentários:

dayanna disse...

Oi Paula!! eu tmb esperava mais desse episódio, nam queria q o Bebê da Peyton corre se tanto risco, e q Bruck realmente entendesse os sentimentos de Julian! Mais vamos esperar até o próximo episódio para sabe como será o desfecho dessa história maravilhosa!!!!!


beijos!!!!!
Dayanna
BH/MG
amo o seu blog

Nina disse...

Oie Paulinha,
Que chique eu comentando aqui neh?! *---*

Sério, você roubou meus pensamentos ou o quê? Não é porque sou Leyton roxa que nem você, mas a única parte que gostei do episódio foram as cenas com eles.

Brulian só gostei da parte final ao perceber que ele tem ainda um certo pé atrás em relação ao Lucas, e por isso inventou aquela mintira, mas toda a bobeira do 'eu te amo' poderia ter sido dispensada. Assim como a história do Mouth. Dan simplesmente odeio ele, e nã consigo gostar da proximidade dele com o Jamie, mas realmente foi o único episódio em que ele falou algo sincero sobre a morte do Keith.

Naley, achei eles um tanto apagadinhos, e realmente esquisita as idédias da Haley de morar em outro lugar sem ser Tree Hill e do Nate de levar o Jamie na tour, mas vamos ver no que isso dá.

Leyton, perfeito do começo ao fim. Com toda certeza a cena mais emocionante e pulou pro topo da minha cena preferida do casal. Foi sincero, triste e bonito ao mesmo tempo. Mostra a força da Peyton e o amor que eles tem um pelo outro e todas as lutas que tiveram que passar no relacionamento deles. Chorei do começo ao fim. E espero mesmo que não matem a Peyton, me deu maior medinho disso acontecer.

Beijos, Nina

Guilherme disse...

Oi Paula,
Faz tempo que não comento por causa dessas reprises todas.Eu achei o epsódio bom, principalmente a chance que o Dan teve de explicar seus sentimentos e de mostrar que a responsabilidade pela morte do keith não foi somente dele.Sobre Leyton , achei meio forçação esse lance de uma morte certa caso resolva ter o bebe mas foi mais uma reviravolta na história dos 2 personagens.Bom é isso =)
Bjs.

Paulo disse...

Caraca Paulinha...você falou tuuudo que estava na minha cabeça...sem tirar nem por!!!
Credo...to até com medo...será que além dos nomes temos personalidades iguais???
Rsrsrs
Bricandeirinha...^^
Adoro seus coments...n pare de faze-los ok.
Btw...o próximo me parece que será bem mais...intenso pelo caminhar das coisas...não acham?
Bj bj...cya!

Backstreetfan disse...

Paulaaaaa miga!!rsrs..Vim comentar tbm!rs..
ce sabe q sou Naley!rs..mas..torço muito por leyton!
confesso q esse lance todo eu nao curti entre eles nao..poxa..ta na hora de dar um descanso pra esse casaL!so faz sofrer! :/
mas vamos combinar..esse lance do filho deles é uma deixa pro Chad e a Hilarie deixarem a sériee.. :/
com um final bem tragico..por sinal..ou..feliz até demais..
sei la..to muito confusa com esse episodio..me deixou com diversas duvidas..hehehe..
mas..é sempre maravilhoso ver mais um episodio da serie!amo demaiss td!rs..

Paula disse...

Que bom que não só fui eu quem reparou essas coisas, né pessoal? Agora só nos resta esperar o próximo episódio para saber no que tudo isso vai dar. Ou então procurar spoilers pela net. Não é o meu caso, lógico, sou contra spoilers. hahahaha
Obrigada pessoal por comentar, eu fico muito feliz quando isso acontece. =)

Gui disse...

Gui...

Bom, to achando a Peyton vai morrer mesmo...para que o Lucas crie o filho(a) sozinhu assim como a mãe dele fez com ele....bjaoo

conheci o blog a pouco e to adorando
tbm sou fanatiko por tree hill..tenhu todos episodios...t +

Gui - RS

Tree Hill High © 2008-2011 Copyright | Layout by Paula